Companhia de Teatro Espelho da Vida pede apoio aos Vereadores

O diretor da Companhia de Teatro “Espelho da Vida”, Jhonatan Ribeiro de Almeida, usou a Tribuna Livre da Câmara de Vereadores, na quinta-feira, dia 23/02, para solicitar apoio da Casa a diversos projetos culturais da Companhia. Na oportunidade falou sobre as dificuldades de desenvolver projetos teatrais no município, uma vez que a companhia ainda não possui CNPJ, fato que inviabiliza a busca de financiamento junto ao Governo do Estado, dificultando mais ainda as ações culturais no município de Sento-Sé.

Apresentou aos Edis o Projeto “Artes Cênicas que Circulam o Sertão”, que funciona com o objetivo de fomentar o elo cultural entre a sede e o interior. Esse projeto visa, ainda, levar projetos que chegam à sede, a exemplo do Encena Brasil que esteve na sede do município no ano de 2016, também para as localidades distantes do município.

Disse ainda que o município de Sento-Sé é muito carente de cultura e que muitos jovens e adolescentes estão indo para as drogas e para a prostituição por falta de oportunidade e de cultura. Deixou claro que a companhia é apartidária e que não tem interesse financeiro, mas sim o de contribuir com a sociedade, fazendo a sua parte. Enfatizou que se cada um contribuir com o que puder, certamente será muito para mudar a cultura do nosso município.

“São projetos que dependem de uma mão, de um apoio, de uma palavra… são projetos que fazem a diferença”. Finalizou o diretor.

ASCOM Câmara de Vereadores de Sento-Sé

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *